segunda-feira, 16 de outubro de 2017

CUCA DE GOIABADA

Eu nunca tinha preparado uma cuca, mesmo achando deliciosa. Quando eu encontrei essa receita da Elaine do blog "Quanta gordice" achei que tinha chegado o momento de me aventurar na receita. Essa eu levei p/lanchar na casa de uma tia e foi aprovada por todos que experimentaram, mas a próxima vai ser saboreada por aqui mesmo com certeza.

Receita:
Massa:
10g de fermento  biológico seco (1 sachê)
1 xícara de chá de açúcar
1 xícara de chá de leite morno
2 colheres de sopa de manteiga ou margarina em temperatura ambiente
1 ovo
3 xícaras de chá de farinha de trigo
Essência de baunilha a gosto

Cobertura:
400g de goiabada cortada em fatias finas
100g de manteiga gelada cortada em cubos
1 xícara de chá de açúcar
1 xícara de chá de farinha de trigo
Canela a gosto

Modo:
N/tigela coloque o leite, o fermento e dissolva. Acrescente o açúcar, a margarina, o ovo e mexa até dissolver, em seguida acrescente a farinha de trigo aos poucos e misture até que fique uma massa lisa e homogênea. A massa fica n/consistência pegajosa e mole, parecendo ponto de bolo.
Unte uma forma com manteiga e polvilhe com farinha de trigo, coloque a massa espalhando em toda a forma de modo que fique uniforme. Cubra com um pano de prato e deixe descansar até  que dobre de volume. O tempo de descanso pode variar de 40 minutos a 1 hora e 30 minutos. Em dias frios é aconselhável deixar em cima do fogão  com o forno ligado. Enquanto isso corte a goiabada em fatias finas e reserve...
Na mesma tigela da massa acrescente todos os ingredientes da cobertura (farofa) e mexa com as pontas dos dedos até que fique uma farofa úmida e c/pequenos grumos. Reserve a farofa na geladeira enquanto a massa cresce...
Com a massa já crescida, coloque as fatias de goiabada sobre ela e por cima espalhe toda a farofa. Leve p/assar em forno 200º nos 10 primeiros minutos passando depois para 180º ou 160º por +- 35 minutos ou até que a massa esteja assada e a farofa dourada.


Mostrando o modo:


...ponto da massa

           massa antes de crescer...






...farofinha

Dica:
Deixei a massa crescer por 1 hora e 20 minutos e ela quase não cresceu como mostra a foto ao lado




...aqui á com a farofinha
                               
                      aqui já assada...






Como eu disse, a cuca foi p/levar n/lanchinho na casa de uma tia, maaaaaaaas como era a 1ª  que eu estava fazendo resolvi retirar uma fatia p/ver se  valia a pena ou não levar p/o tal lanchinho, daí eu retirei o aro da forma, cortei 1 fatia, vi que valia a pena e coloquei a fatia novamente no lugar. Ah, essa Dinha! kkkk
Minha opinião:
A textura da minha ficou bem diferente da foto da fonte, mas ficou muito deliciosa e foi aprovada por todos...Vou repetir a receita com certeza!

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

COUVE FLOR GRATINADA COM MOLHO BRANCO E CREAM CHEESE (macarrão furadinho e almôndegas)

O que eu acho difícil mesmo na cozinha é variar as receitas p/que elas se tornem cada vez mais agradáveis e saborosas,  por conta disso vivo sempre em busca de receitinhas novas e quando não encontro, o jeito então é apelar p/o santo dos MILAGRES NA COZINHA. Ainda não descobri o nome dele, mas que ele existe, ah isso existe. A prova é o caso dessa couve flor,  que não tendo eu encontrado uma receitinha a gosto, apelei mais uma vez p/o santo e não é que saiu essa receitinha deliciosa kkkkk

Receita:
1 couve flor média p/pequena 
Retirei as folhas verdes, deixando a couve inteira. Acertei também a parte de baixo p/que ela ficasse de pé na montagem do prato.
Depois da couve já modelada, lavei bem em água corrente. A dica é lavar com a torneira aberta no máximo de volume d'água p/que as cavidades da couve sejam alcançadas. Depois da couve bem lavada cozinhei em água e sal n/ponto bem al'dente p/que ela não desmanchasse (usei uma panela grande e tampada). 
Retirei a couve da panela com a ajuda de uma escumadeira, coloquei n/refratário, reguei com o molho branco preparado com o cream cheese, polvilhei com parmesão ralado e levei
ao forno somente p/gratinar.

P/o molho branco:
1 copo de 250ml de leite
2 colheres de sopa cheias de pó p/molho branco (RECEITA AQUI)
2 colheres de sopa bem cheias de cream cheese (usei o light)
Misturei bem o leite com o pó e levei ao fogo baixo até engrossar e ficar cozidinho. Por fim acrescentei o cream cheese misturando bem (se necessário pode acrescentar mais leite ou mais pó até que chegue n/ponto desejado)

Acompanhamentos:
Almôndegas (RECEITA AQUI) dei  uma alterada no molho,  mas vc pode usar um molho a seu gosto:


P/o macarrão:
Cozinhei o macarrão furadinho em água e sal, escorri e cobri com um molho preparado com:
1 dente de alho, tomate em cubinhos, cebola em cubinhos, molho de tomate pronto (usei 1/2 sachê do Pomarola), sal a gosto e água suficiente p/que fique um molho bem apurado.








Salada:
Alface, ovos cozidos, tomatinhos cereja e cebola roxa








MODO:
As fotos não ficaram boas, mas garanto que a couve ficou deliciosa!


...Antes do molho


Já com o molho...






...Já com o queijo antes do forno


Saindo do forno...





Aqui só p/mostrar a delícia




terça-feira, 10 de outubro de 2017

PÃO DE MINUTO DO DANIEL

Mais um pãozinho que saiu do meu forno. Gente, fazer pão funciona realmente como uma terapia. Eu adoro esse modo do junta, mistura, bate, sova, modela, espera crescer, tempo de forno, cheirinho exalando pela casa inteira e finalmente quando a gente abre o forno, ah, aí é aquela satisfação de dever cumprido que chega a ser quase um poema visual kkk
Fonte da receita (AQUI)

Receita (usei xícara de 240ml:
540g de farinha de trigo
30g de fermento biológico fresco = 2 tabletes de 15g
1 pitada de sal
2 colheres de sopa de açúcar
2 ovos
1 xícara de chá de leite morno
1/2 xícara de chá de óleo
1 ovo



Modo:
Bati no liquidificador o leite, o óleo, o açúcar, os ovos, o sal e o fermento. Passei p/uma tigela e fui colocando a farinha de trigo aos poucos. Sovei a massa por +- 10 minutos e modelei os pãezinhos  (a massa não  precisa descansar antes de modelar), coloquei n/assadeira sem untar, coloquei a assadeira dentro de um saco plástico grande, fechei c/um armarinho e deixei crescer até dobrar de volume (como o tempo no RJ estava muito quente, eles cresceram em 20 minutinhos)...
Depois dos pães já crescidos, pincelei com gema e levei p/assar em forno 180º por +- 30 minutos.





Dicas:
1- precisei de colocar mais um pouquinho de farinha na massa, deixando ainda grudenta, mas fui puxando o ponto na superfície enfarinhada

2- no vídeo  o Daniel manda pincelar com margarina assim que retira do fogo, mas não ficou legal pq a gema impermeabilizou o pão e aí a margarina não  foi absorvida deixando a superfície  gordurosa.








                                  Acompanhou:
   
               Suco de abacaxi










O sanduíche foi preparado com alface e fatias de lombo suíno assado.

Receita aqui

Obs:
O lombo é daqueles que já vem temperado e por conta disso quando é assado ele fica com uma cor mais rosada




Modo:

...antes do crescimento

                  depois de crescidos...



...pincelados com gema

                    já assados...






...bem fofinhos

                     já servido...

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

SALADA DE BACALHAU À MINHA MODA

HOJE A SUGESTÃO É P/O SEU ALMOCINHO NO FDS...

Uma saladinha cai sempre muito bem, mas se essa saladinha é de bacalhau, hummmm, melhor ainda. P/ piorar a situação acompanhou a salada um vinho delicioso. Ah, por aí está fazendo frio?
Sem problema, bacalhau vai bem em qualquer estação!


Receita:
+- 1/2 kg de bacalhau (do porto) dessalgado, aferventado, sem pele e espinhas, desfiado grosseiramente em lascas médias 
3 batatas médias cortadas em cubos médios (cozinhei al'dente na água do bacalhau)
1 caixa de grão de bico ( já cozido,  usei  da marca QUERO )
1/2 vidro de aspargos verdes em conserva ( usei GOMES DA COSTA ) cortados em tamanhos médios
Azeitonas verdes fatiadas
Azeitonas pretas grandes (AZAPA) p/decorar
+- 10 minicebolas cozidas com as cascas
2 ovos cozidos p/decorar
2 dentes de alho grandes socados
2 colheres de sopa de azeite
Pimentões coloridos (verde, vermelho e amarelo, usei 1/2 pequeno de cada) fatiados

P/regar a salada:
2 dentes grandes de alho  picados (não é socado)
1/2 xícara de chá de azeite
Sal, se necessário




Modo:
Coloquei n/tigela grande os cubos das batatas, o grão de bico, as azeitonas fatiadas, os aspargos, as mini-cebolas já descascadas e cortadas em pétalas e reservei...
Dourei os 2 dentes de alho (socados) nas 2 colheres de sopa de azeite. Juntei os pimentões coloridos fatiados, refoguei, acrescentei as lascas de bacalhau, misturei (sem desmanchar as lascas) e deixei esfriar.
Depois do refogado frio, passei p/ a tigela com a mistura reservada.



Obs: Provei a salada, e o sal precisou ser acertado (só polvilhei,  a quantidade que achei necessária)



P/regar:
Dourei os 2 dentes de alho (picados) na 1/2 xícara de chá de azeite (conforme foto),  reguei toda a salada, misturei delicadamente e passei p/ o refratário de servir.
Decorei com os ovos cozidos cortados em 4 e as azeitonas pretas










      Acompanhou  arroz branco  e muitos elogios

        






  


Será que o bacalhau vai ficar mais barato depois do Natal?
Espero  que sim  p/que eu possa  repetir essa receita deliciosa pelo menos por mais umas 200 vezes....




quarta-feira, 4 de outubro de 2017

TORRADAS DELICIOSAS COM REQUEIJÃO (acompanhamento de um quibebe de abóbora, chips de jiló e linguiça acebolada)

Quem me segue sabe que eu sou a "louca" das torradinhas. Acho que aprendi a gostar das torradinhas com meu avô que era filho de portugueses e eu realmente não sei se esse  costume vem lá da terrinha, as amigas e amigos portugueses é que poderão me responder. Bem, eu vi uma receita de torrada no site da Ana Maria, mas claro que dei meus pitacos  ou não seria eu a Dinha né?
P/acompanhar as torradinhas ou p/as torradinhas acompanharem (hummm, fiquei na dúvida kkk), eu aproveitei 1 pedaço de abóbora baiana (sobra de uma sopa) e uns jilós (sobra também da mesma sopa)

Receita:
4 pães franceses ......(usei 1 pão italiano pequeno)
Salsinha picada a gosto......(usei salsinha desidratada)
1 tablete de caldo de carne esfarelado.........(usei 1/2 de caldo de bacon)
2 colheres de sopa de requeijão...................(usei 3 colheres de sopa de um requeijão  bem consistente)
Por minha conta:
1 colher de chá de tempero de alho caseiro
1 pitada de pimenta do reino


Modo:
Cortei o pão em fatias (nem finas, nem grossas), passei uma camada generosa do creme formado com o requeijão, coloquei as fatias n/assadeira (sem untar) e levei ao forno preaquecido 200º até as torradas ficarem bem douradinhas


P/o quibebe de abóbora:
1- Abóbora baiana (1 pedaço médio) cozida em água e sal e bem amassadinha com um garfo
2- Dourei 1 dente pequeno de alho n/fio de azeite, juntei a abóbora amassada, cubinhos de tomate e de cebola, temperei com sal e pimenta do reino, refoguei, acrescentei salsinha picada e desliguei o fogo. Passei p/um refratário de servir


P/os chips dos jilós:
Cortei os jilós em fatias finas e deixei de molho em água (sem sal) por +- 30 minutos. Depois desse tempo sequei bem as rodelas. Coloquei no fogo uma frigideira antiaderente de fundo grosso levemente untada com azeite, adicionei as rodelas em 1 só camada e deixei em fogo médio/alto só p/dar mais uma secadinha nas fatias. Coloquei então as fatias n/assadeira (usei antiaderente), também em uma só camada, reguei com azeite (não muito), polvilhei com sal e pimenta do reino e levei ao forno em temperatura alta (220º) até ficarem douradinhas e crocantes


P/a linguiça assada acebolada:
Coloquei as linguiças n/assadeira pequena e levei ao forno em temperatura alta. Quando retirei as linguiças, coloquei na mesma assadeira fatias finas de cebola, refoguei bem aproveitando a crosta formada com a linguiça, acrescentei um pouquinho de água fervente, sal e gotas de vinagre deixando em fogo baixo até a cebola ficar macia.



Acompanhou:
Arroz branco e saladinha de alface, tomatinhos e azeitonas pretas





AQUI P/EXPERIMENTAR COLOQUEI A PASTA TAMBÉM EM BISCOITOS CREAM CRACKER, LEVEI AO FORNO JUNTO COM AS TORRADAS E ELES FICARAM DELICIOSOS...



DICA:
Tem que ter cuidado com o cubo de carne ou de bacon pq dependendo da quantidade usada fica puxado no sal. Melhor ir provando...

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

PEITO (BOVINO) ASSADO dessa vez com batata doce e farofa de feijão com couve

Eu adoro essa carne e por isso ela aparece sempre por aqui, a diferença fica por conta dos acompanhamentos, que diga-se de passagem, ela fica bem com qualquer um que vc escolher.
Aqui no blog vc encontra algumas sugestões...

Receita:
1 peça com +- 1kg de peito bovino (deixei com um pouco de gordura)

Temperei a carne com sal, alho, molho de pimenta, cominho, 1 folhinha de louro, 1 colher de sopa cheia de cachaça e 1 colher de sopa de vinagre. Deixei nessa marinada de um dia p/outro...
No dia seguinte:
Coloquei 1 colher de sopa de óleo n/panela deixando aquecer, juntei a carne (sem a marinada) e deixei dourar de todos os lados (p/selar). Acrescentei a marinada deixando em fogo baixo até secar, daí fui acrescentando água fervente sempre que necessário, deixando também dourar sempre que a água secava. Continuou em fogo baixo até a carne ficar macia...
Quando a carne ficou macia, retirei da panela e reservei...
Na mesma panela, acrescentei:
1 tomate pequeno sem sementes picado
Pimentões coloridos (verde, vermelho e amarelo) fatiados
1/2 cebola pequena fatiada
1 colher de sopa de extrato de tomate
Refoguei aproveitando toda a crosta formada na panela. Acrescentei 1 xícara de chá de água fervente e adicionei a batata doce, acertei o sal e deixei em fogo baixo até a batata ficar cozida al'dente
Usei 2 batatas doce cortadas em pedaços médios




P/farofa de feijão com couve:
Como tinha sobrado feijão, eu resolvi então usar em uma farofinha, que preparei assim:
Coloquei 1 colher de sopa de óleo e 1 colher de sopa de manteiga n/panela  e dourei 1 dente de alho. Coloquei 2 ovos inteiros, tampei a panela deixando os ovos endurecerem levemente, deixei os ovos em pedaços com a ajuda de 1 colher de pau. Acrescentei +- 3 folhas de couve cortadas tipo a mineira, deixando fritar. Nesse ponto juntei o feijão (passei por uma peneira e usei mais os caroços) e sempre mexendo fui acrescentando a farinha de mandioca até a farinha ficar cozidinha e chegar no ponto desejado. Passei p/uma tigela de servir e decorei com ovos cozidos




Acompanhou:
Arroz branco
Saladinha de alface com pepino e azeitonas
Saladinha de beterraba










...aqui a carne ainda sem molho


         aqui já prontinha p/servir...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...